Escalada das commodities continua e influencia alta do Ibovespa

Share on twitter
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

A escalada das commodities (petróleo e minério de ferro) continua no exterior e influenciava a alta do Ibovespa no período da manhã, com elevações nas ações da Petrobras e da Vale.

Por volta do meio-dia, o Ibovespa avançava 1,57%, aos 108.339 pontos.

No mesmo horário, em Nova York, o índice Dow Jones subia 0,40% aos 35.508 pontos. O S&P 500 exibia alta de 0,72%, aos 4.610 pontos. Já o Nasdaq Composite mostrava elevação de 0,96%, aos 14.645 pontos.

Aqui no Blog do Grana, você acompanha os principais assuntos que movimentam seus investimentos na Bolsa (B3).

Confira na sequência do texto:

Destaques do mercado:  Escalada das commodities

A escalada dos preços das commodities seguia hoje no exterior.

Preço do minério de ferro subiu 2,8% no porto chinês de Qingdao, alta que beneficiava as ações da mineradora Vale.

Por volta do meio-dia, VALE3 avançava 2,77%. Segundo relatório do Banco ABC Brasil, o aumento do minério de ferro é apoiado por sinais de recuperação da demanda depois que dados mostraram que a produção industrial chinesa melhorou em dezembro, além da expectativa de que o governo chinês siga estimulando a economia.

O preço do petróleo Brent também subia 1% na Europa após explosão de um duto de abastecimento interligando o Iraque à Turquia.

Esse aumento do preço do petróleo também beneficiava as ações da Petrobras. Por volta do meio-dia, PETR3 avançava 1,56%, enquanto PETR4 subia 1,49%.

“O mercado global de petróleo apertou nas últimas semanas devido a interrupções e déficits de produção nos países membros da OPEP+, bem como pelo aumento em tensões geopolíticas. Soma-se a isso o declínio dos níveis de estoque de petróleo bruto e a recuperação da demanda, com o mercado ignorando um possível impacto negativo na demanda de combustível por conta da variante ômicron”, descreve o relatório do Banco ABC Brasil.

Maiores altas ao meio-dia

  • Locaweb (LWSA3): +9,13%
  • Americanas (AMER3): +7,41%
  • Lojas Americanas (LAME4): +6,45%
  • Cyrela (CYRE3): +5,76%
  • Natura (NTCO3): +5,24%

Maiores baixas ao meio-dia

  • Ambev (ABEV3): -0,69%
  • Bradesco (BBDC4): -0,61%
  • Energisa (ENGI11): -0,24%
  • Equatorial (EQTL3): -0,23%
  • Itaú Unibanco (ITUB4): -0,04%

Outros ativos em destaque

As notas e fatos relevantes informados abaixo podem ter influenciado a movimentação das ações das companhias citadas no pregão de hoje, de acordo com relatórios* de mercado.

BRF (BRFS3)

BRF anunciou que fará oferta de ações com precificação prevista para 1º de fevereiro.

Oferta de aumento de capital BRF pode chegar a R$ 7,5 bilhões em um total de até 325 milhões em ações no Brasil e ADRs em Nova York.  

Cury (CURY3)

Vendas líquidas da Cury alcançam R$ 611 milhões no quarto trimestre de 2021, alta de 51,1% em comparação com igual período de 2020.

Volume de lançamentos da Cury alcançam R$ 788 milhões no quarto trimestre de 2021, alta de 16,8% ante mesmo trimestre de 2020.

Ambev (ABEV3)

XP estima preço-alvo de R$ 18,80 por ação ABEV3 para o final de 2022 e espera crescimento de 22,4% da receita líquida da Ambev em 2021.

Desktop (DESK3)

XP inicia cobertura de análise da Desktop e estima preço-alvo de R$ 27 por ação DESK3 para o final de 2022.

BDRs e ações EUA

Goldman Sachs (GSGI34)

Lucro líquido do Goldman Sachs cai para US$ 3,9 bilhões no quarto trimestre de 2021, queda de 14% na comparação com igual período de 2020.

Lucro do Goldman Sachs ficou em US$ 10,81 por ação, decepcionando os investidores que esperavam uma queda menor (-7%) nos resultados, pelo consenso de mercado.

Charles Schwab (SCHW34)

A receita da corretora norte-americana Charles Schwab atingiu US$ 4,7 bilhões, de US$ 4,8 bilhões do consenso de mercado.

Volume de ativos sob gestão alcançou US$ 8 trilhões em 2021, alta de 22% ante 2020.

Charles Schwab registrou US$ 0,86 de lucro por ação (LPA), abaixo da expectativa de US$ 0,88 do consenso de mercado.   

Relatórios de mercado consultados: B3, CVM, Banco ABC Brasil, XP, Genial, Levante e Terra Investimentos.

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Receba em primeira mão nossas novidades

Assine nossa Newsletter

Baixe já nosso App