BRF (BRFS3) e Itaú (ITUB4) entre os destaques da Bolsa

Share on twitter
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

BRF (BRFS3) e Itaú (ITUB4) estão entre os destaques do mercado acionário brasileiro hoje (13/01/2022).

A BRF aparecia entre as principais altas do Ibovespa pela manhã após a notícia de uma parceria com o fundo soberano da Arábia Saudita para produção de frangos no Oriente Médio.

Já o Itaú anunciou a compra da corretora digital Ideal. O assunto era um dos mais comentados por profissionais do mercado e analistas, que avaliavam a aquisição pelo banco como um posicionamento após a compra da Modalmais pela XP.

Por volta de meio-dia e meio (12h30), o Ibovespa recuava 0,37%, aos 105.290 pontos.

No mesmo horário, em Nova York, o índice Dow Jones avançava 0,44%, aos 36.461 pontos. O S&P 500 registrava leve alta de 0,01%, aos 4.726 pontos. Já o Nasdaq Composite recuava 0,47%, aos 15.117 pontos.

Aqui no Blog do Grana, você acompanha os principais assuntos que movimentam seus investimentos na Bolsa (B3).

Confira na sequência do texto:

Destaques do Ibovespa:  BRF (BRFS3) e Marfrig (MRFG3)

A ação da BRF apareceu entre as principais altas do Ibovespa no período da manhã.

Já, por volta de meio-dia e meio (12h30), BRFS3 apresentava valorização de 3,61%.

Entre os fundamentos, a BRF anunciou uma parceria (joint-venture) com o fundo soberano da Arábia Saudita para a produção de frangos no Oriente Médio.

Marfrig pegava carona na valorização e avançava 3,65% no mesmo horário, também entre as maiores altas do Ibovespa.

Destaque do mercado: Itaú Unibanco (ITUB4)

O Itaú Unibanco informou hoje que assinou um contrato de compra e venda de até 100% da Ideal Holding Financeira, dona da corretora digital Ideal.

De acordo com informações do Itaú, a compra será realizada em duas etapas ao longo de 5 anos.

Na primeira etapa, o Itaú Unibanco irá adquirir 50,1% do capital social e votante da Ideal, através de um aporte primário e da aquisição secundária de ações que totalizam aproximadamente R$ 650 milhões, passando a deter o controle da companhia.

Na segunda etapa, após 5 anos, o Itaú poderá exercer o direito de compra do percentual restante (49,9%) do capital
social da Ideal.

Segundo o Itaú, a gestão e a condução dos negócios da Ideal continuarão autônomas em relação ao banco.

Nesse contexto a Ideal continuará atendendo seus clientes e o Itaú não terá exclusividade na prestação de
serviços.

Com a notícia, o papel do Itaú (ITUB4) abriu em alta e por volta das 13 horas avançava 1,20%.

Maiores altas às 12h30

  • PetroRio (PRIO3): +5,15%
  • Marfrig (MRFG3): +3,65%
  • BRF (BRFS3): +3,61%
  • Dexco (DXCO3): +3,53%
  • Eletrobras (ELET6): +3,25%

Maiores baixas às 12h30

  • Locaweb (LWSA3): -4,82%
  • Méliuz (CASH3): -4,46%
  • Pão de Açúcar (PCAR3): -3,72%
  • Natura (NTCO3): -3,31%
  • Rede D’Or (RDOR3): -3,06%

Outros ativos em destaque

As notas e fatos relevantes informados abaixo podem ter influenciado a movimentação das ações das companhias citadas no pregão de hoje, de acordo com relatórios* de mercado.

Embraer (EMBR3)

Embraer vende duas fábricas de componentes em Portugal por R$ 172 milhões.

Moura Dubeux Engenharia (MDNE3)

Moura Dubeux registra crescimento de 17,6% e atinge R$ 341 milhões em vendas no quarto trimestre de 2021.

Via (VIIA3), Mercado Livre (MELI34) e Amazon (AMZO34)

Mercado Livre, Via e Amazon adotam estratégias de reajustes para recuperar margens, na avaliação de relatório da Levante Research, divulgado hoje.

Relatórios consultados: B3, CVM, Itaú, Moura Dubeux, Banco ABC Brasil, Guide Investimentos e Terra Investimentos.

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Fique por dentro!

Receba notícias como esta no seu e-mail.

Receba em primeira mão nossas novidades

Assine nossa Newsletter

Baixe já nosso App