Ibovespa em 03-01-2022: Bolsa abre ano em queda de 0,86%, aos 103.921 pontos

Share on twitter
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

O Ibovespa em 03-01-2022 registrou baixa de 0,86%, aos 103.921 pontos.

Em Nova York, o Dow Jones subiu 0,68%, a 36.585 pontos. O S&P 500 avançou 0,64%, aos 4.796 pontos. Já o Nasdaq Composite teve alta de 1,20%, a 15.832 pontos.

Aqui no Blog do Grana, você acompanha os principais assuntos que movimentam seus investimentos na Bolsa (B3).

Confira na sequência do texto:

Destaques na Bolsa: CSN Mineração e BRF

O papel da CSN Mineração (CMIN3) subiu 4,60%, a R$ 7,05 por ação ON, maior alta do Ibovespa.

Segundo observou o economista-chefe da Modalmais, Alvaro Bandeira, o minério de ferro mostrou alta de 1,25% durante a madrugada em Qingdao, na China, cotada em US$ 122,22 por tonelada.

“O que ajudou no comportamento positivo de Vale (+0,05%) e as empresas do setor por aqui”, escreveu Bandeira, em seu relatório de fechamento de mercado.

A ação da eportadora BRF subiu 3,11%, para R$ 23,22 por ação ON, ajudada pela alta de 1,56% do dólar, que fechou em R$ 5,66 no mercado à vista da B3.

Maiores altas

  • CSN Mineração (CMIN3): +4,60%, a R$ 7,05 por ação ON
  • BRF (BRFS3): +3,11%, a R$ 23,22 por ação ON
  • Itaú (ITUB4): +2,67%, a R$ 21,51 por ação PN
  • Petrobras (PETR3): +2,67%, a R$ 31,52 por ação ON
  • Santander Brasil (SANB11): +2,54%, a R$ 30,74 por unit

Maiores baixas

  • Cyrela (CYRE3): -7,98%, a R$ 14,52 por ação ON
  • Alpargatas (ALPA4): -6,94%, a R$ 34,30 por ação PN
  • Magazine Luiza (MGLU3): -6,93%, a R$ 6,72 por ação ON
  • Multiplan (MULT3): -6,78%, a R$ 17,45 por ação ON
  • JHSF (JHSF3): -6,63%, a R$ 5,21 por ação ON

Outros ativos em destaque

As notas e fatos relevantes informados abaixo podem ter influenciado a movimentação das ações das companhias citadas no pregão de hoje, de acordo com relatórios* de mercado.

Eletrobras (ELET6)

Emissão de ações da Eletrobras será na faixa de R$ 22 bilhões a R$ 26,6 bilhões, segundo reportagem da Bloomberg.

O BNDES reagendou para quarta-feira (05/01), a audiência pública para discutir o processo de privatização da Eletrobras.

No fechamento da Bolsa, ELET6 registrou queda de 2,15%, a R$ 32,30 por ação PNB.

Petrobras (PETR4/PETR3)

Petrobras declarou comercialidade em áreas da Bacia Sergipe-Alagoas.

No encerramento dos negócios, PETR3 tinha alta de 2,67%, a R$ 31,52 por ação ON. Já PETR4 subiu 2,25%, a R$ 29,09 por ação PN.

Klabin (KLBN11)

A Klabin informou que contratou linha de crédito de US$ 447 milhões para investimentos na unidade PUMA2.

KLBN11 apresentou baixa de 0,55%, a R$ 25,52 por unit.

Sabesp (SBSP3)

Sabesp aprovou plano de investimento de R$ 23,8 bilhões para 2022 a 2026.

SBSP3 mostrou queda de 0,57%, a R$ 39,95 por ação ON.

Kora Saúde (KRSA3)

Kora Saúde comprou o Hospital São Francisco, em Ceilândia (DF), por R$ 330 milhões.

KRSA3 fechou em baixa de 4,62%, a R$ 4,95 por ação ON.

BDRs e ações EUA

Nos EUA, o S&P e o Dow Jones voltaram a bater recordes históricos de pontuação hoje, no primeiro pregão de 2022.

Conforme observou o economista-chefe do Modalmais, Alvaro Bandeira, o PMI (indicador mensal de produção) industrial de dezembro (final) encolheu para 57,7 pontos e os investimentos em construção (importante indicador) cresceram em novembro 0,4%, mas a previsão era de +0,7%.

“Isso acabou desacelerando as boas aberturas, mas o processo de alta foi mantido nas Bolsas. Já o FDA (food and drug administration) autorizou o reforço de vacinação para adolescentes entre 12 e 15 anos de idade”, relatou Bandeira.

Norwegian Cruise (N1CL34), Boeing (BOEI34) e Amex (AXPB34)

Com a autorização da FDA para reforço na vacinação, a empresa de cruzeiros martítimos Norwegian Cruise que havia recuado 2,4% no último dia 30 de dezembro apresentou uma alta de 7,40% no primeiro pregão de 2022, entre as maiores altas de Nova York.

A Boeing também pegou carona no reforço da vacinação e subiu 3,25% hoje. Já a American Express, ligada aos gastos com turismo, também subiu 2,82%.

Moderna (M1RN34) e Nike (NIKE34)

A ação da fabricante de vacinas Moderna passou por um processo de realização de lucros hoje, a venda para se obter lucros recentes, e o preço da ação caiu 7,45%, entre as maiores baixas em Nova York.

A Nike que havia recuado 0,76% no pregão do último dia 30 de dezembro, voltou a ficar no negativo e apresentou baixa de 1,20%.

Big Techs Apple (AAPL34) e Microsoft (MSFT34)

As big techs andaram com sinais diferentes no primeiro pregão do ano. A Apple subiu 2,50%, enquanto a Microsoft caiu 0,47%.

Intel (ITLC34), AMD (A1MD34) e Verizon (VERZ34)

Já outras empresas de tecnologia apresentaram sinal positivo hoje: AMD (+4,41%), Intel (+3,32%) e Verizon (+0,92%).

Coca-Cola (COCA34) e AT&T (ATTB34)

Ainda do lado positivo, a ação da global Coca-Cola avançou 0,15%, enquanto o papel da AT&T subiu 3,37%.

Goldman Sachs (GSGI34) e Bank of America (BOAC34)

Com o sinal azul nas Bolsas americanas, os bancos norte-americanos também apareceram entre as maiores altas por lá: Bank of América (+3,80%) e Goldman Sachs (+3,34%).

Ford Motor (FDMO34) e Tesla (TSLA34)

No setor automotivo, a Ford finalmente subiu 4,81% após 3 pregões de baixa.

Já a Tesla disparou 13,53%, maior alta por lá, após a companhia ter divulgado sua prévia de produção do quarto trimestre.

Em comunicado ao mercado, a Tesla informou que entregou 308.600 carros elétricos no quarto trimestre de 2021, encerrando com 936.172 veículos elétricos no ano.

“É um aumento de 87% em relação a 2020”, calculou a Levante Research, em relatório encaminhado ao Blog do Grana.

Relatórios consultados: B3, CVM, Banco ABC Brasil, BTG Pactual, Modalmais e Levante Research.

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Fique por dentro!

Receba notícias como esta no seu e-mail.

Receba em primeira mão nossas novidades

Assine nossa Newsletter

Baixe já nosso App