Ibovespa em 22-12-2021: Bolsa cai 0,24% e encerra em 105.243 pontos

Share on twitter
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

Na contramão do exterior, o Ibovespa em 22-12-2021 fechou em baixa de 0,24%, aos 105.243 pontos. No mês de dezembro, o principal índice da Bolsa (B3) acumula alta de 3,28%, mas ainda apresenta perdas de 11,6% em 2021.

Em Nova York (EUA), o Dow Jones registrou alta de 0,74% , aos 35.753 pontos, enquanto o S&P 500 avançou 1,02%, aos 4.696 pontos. Já o Nasdaq Composite subiu 1,18%%, aos 15.521 pontos.

Aqui no Blog do Grana, você acompanha os principais assuntos que movimentam seus investimentos.

Confira na sequência do texto:

Destaques na Bolsa: Getnet (GETT11) e Banco Pan (BPAN4)

As units da Getnet (GETT11) dispararam 23,40% hoje, sendo a maior alta do Ibovespa.

Entre os fundamentos para alta dos papéis estava a informação de que a Getnet pagará R$ 298 milhões em juros sobre capital próprio (JCP), o equivalente a R$ 0,3195 por unit.

Ou seja, o mercado avaliou que os proventos da Getnet vieram acima do esperado.

Na segunda posição em valorização, a ação PN do Banco Pan subiu 8,32% recuperando-se de perdas recentes nos dias anteriores.

Maiores altas

  • Getnet (GETT11): +23,40%, a R$ 4,06 por unit
  • Banco Pan (BPAN4): +8,32%, a R$ 10,76 por ação PN
  • Méliuz (CASH3): +6,77%, a R$ 3,31 por ação ON
  • Grupo Soma (SOMA3): +3,08%, a R$ 13,05 por ação ON
  • BTG Pactual (BPAC11): +2,57%, a R$ 11,95 por unit

Maiores baixas

  • Rede D’Or (RDOR3): -5,67%, a R$ 42,75 por ação ON
  • Magazine Luiza (MGLU3): -4,05%, a R$ 6,16 por ação ON
  • Natura (NTCO3): -4,02%, a R$ 25,77 por ação ON
  • Hapvida (HAPV3): -3,24%, a R$ 11,05 por ação ON
  • Cogna (COGN3): -3,15%, a R$ 2,46 por ação ON

Cenário Brasil

De acordo com a economista-chefe do Banco Ourinvest, Fernanda Consorte, o investimento direto no país (IDP) foi melhor que o esperado, com entrada de US$ 4,6 bilhões, ante estimativa do mercado de US$ 4 bilhões e bem acima do mesmo período do ano passado.

Com isso, nos últimos 12 meses o IDP acumula 3,20%. Contudo, o patamar ainda é inferior ao pré-crise.

Segundo Consorte, os dados de conta corrente de novembro vieram em linha com a estimativa do mercado, mas mostrando o pior resultado para o período desde 2014.

No acumulado em 12 meses, o déficit da conta corrente ficou em 1,9% do PIB.

O resultado do mês foi bastante influenciado pelo resultado negativo da balança comercial, uma vez que as importações parecem ter “ganhado mais tração” a despeito do câmbio.

Olhando para frente, a balança comercial pode ser um ponto de atenção para a evolução da conta corrente, embora ainda com saldos importantes.

“Primeiro se a China mostrar alguma desaceleração, as exportações podem sofrer mesmo com um câmbio alto, e ainda não houve total recuperação das importações de insumos e de bens de capital, então, os desafios e riscos são enormes para 2022. Sobretudo os riscos empresariais, como: cyber segurança; mudança no ambiente regulatório; sustentabilidade social e ambiental e interrupção da cadeia de suprimentos”, descreveu a economista-chefe, em seu relatório de mercado.

Outros ativos em destaque

As notas e fatos relevantes informados abaixo podem ter influenciado a movimentação das ações das companhias citadas no pregão de hoje, de acordo com relatórios* de mercado.

Energisa (ENGI11)

Energisa pagará R$ 796 milhões em dividendos, o equivalente a R$ 2,20 por unit.

Com a notícia, ENGI11 subiu 0,50% e fechou em R$ 44.33 por unit.

Iochpe-Maxion (MYPK3)

Iochpe-Maxion pagará R$ 153,2 milhões em juros sobre capital próprio (JCP) aos seus acionistas, o equivalente a R$ 1,005 por ação.

MYPK3 caiu 0,19% e encerrou em R$ 15,50 por ação ON.

Alliar (AALR3)

Alliar firmou contrato de venda de até 62,4 milhões de ações, a R$ 20,50 por ação, para o fundo de investimento Fonte de Saúde, do empresário Nelson Tanure.

Com a notícia, o papel AALR3 desabou 20,35%, a R$ 14,25 por ação ON, uma das maiores baixas fora do Ibovespa.

Eletrobras (ELET6)

Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) aprovou valor de R$ 67 bilhões para novos contratos de concessão de geração de energia das usinas da Eletrobras.

Com a notícia, ELET6 subiu 1,88%, a R$ 33,04 por ação PNB.

Unipar (UNIP6) e AES Brasil (AESB3)

Unipar Carbocloro informou que sua subsidiária Unipar Indupa firmou investimento com a AES Tucano para criação de uma joint-venture (parceria) de geração de energia eólica.

AES Brasil atualizou projeção de investimentos para R$ 3,9 bilhões no período de 2021 a 2025, sendo R$ 918,1 milhões para o complexo eólico Tucano e R$ 2,43 bilhões para o complexo eólico Cajuína.

Do lado da Unipar, UNIP6 caiu 2,04%, a R$ 93,84 por ação PNB. Já do lado de AES Brasil, o papel AESB3 subiu 0,73%, a R$ 11,02 por ação PNB.

3R Petroleum (RRRP3)

3R Petroleum concluiu a compra de 50% da participação detida pela Petrogal Brasil no campo de Sanhaço, na bacia potiguar (RN).

Com a notícia, RRRP3 subiu 2,08%, a R$ 31,48 por ação ON.

Petrobras (PETR4/PETR3)

Petrobras firmou acordo com a TAG para redução da flexibilidade de uso da Petrobras nos aditivos contratuais de transporte de gás natural da Malha Nordeste, Gasene e Pilar-Ipojuca.

No fechamento dos negócios, PETR4 registrou baixa de 0,14%, a R$ 28,16 por ação PN. Já PETR3 recuou 0,40%, a R$ 30,22 por ação ON.

PetroRio (PRIO3)

PetroRio protocolou declaração de comercialidade do Campo de Wahoo junto à Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Com a notícia, PRIO3 avançou 1,22%, a R$ 19,87 por ação ON.

Vale (VALE3)

O preço do minério de ferro recuou 2,62% no porto chinês de Qingdao, para US$ 123,39 por tonelada, baixa que pode impactado a queda de 0,52% das ações da Vale.

BDRs e ações EUA

De acordo com o analista Rafael Ribeiro, da Clear Corretora, lá fora, os ânimos são melhores, com o resultado acima do esperado do PIB dos EUA no terceiro trimestre (2,3% versus 2,1% das expectativas) e com a fala do presidente norte-americano Biden.

O presidente dos EUA anunciou um novo plano para combater o avanço da Ômicron e voltou a descartar o lockdown.

Nos últimos dias, Alemanha, Escócia, Irlanda, Portugal, Holanda e Coreia adotaram tal medida.

“O bom desempenho das bolsas norte-americanas ajuda a explicar a correção do dólar neste pregão, que voltou a negociar abaixo de R$ 5,70, mas que ainda acumula alta de 0,8% no mês e está próximo da máxima em R$ 5,75”, afirmou Ribeiro, em seu relatório de fechamento de mercado.

Nike (NIKE34), Verizon (VERZ34) e Oracle (ORCL34)

Com o Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA melhor que o esperado pelo mercado, poucas ações fecharam em baixa em Nova York: Nike (-0,71%), Oracle (-1,80%) e Verizon (-0,02%).

Big Techs Apple (AAPL34) e Microsoft (MSFT34)

Com o sinal positivo por lá, as Big Techs subiram novamente hoje: Apple (+1,53%) e Microsoft (+1,81%).

Intel (ITLC34), A&T (ATTB34) e Cisco (CSCO34)

As outras empresas de tecnologia também encerraram com sinal positivo : Intel (+0,39%), AT&T (+1,27%) e Cisco (+0,82%).

Pfizer (PFIZ34) e Moderna (M1RN34)

Após as baixas de ontem, os papéis das fabricantes de vacinas tiveram novos ajustes hoje: Pfizer (+1,02%) e Moderna (-6,26%), essa última entre as maiores baixas em Nova York.

Ford Motor (FDMO34), Tesla (TSLA34) e Caterpillar (CAPT34)

O setor de veículos seguiu em evidência pelo segundo dia consecutivo: Ford Motor (+2,70%), Caterpillar (+1,94%) e Tesla (+7,49%), essa última entre maiores altas do S&P 500.

Relatórios consultados: Banco ABC Brasil, BTG Pactual, Clear Corretora e Levante Research.

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Receba em primeira mão nossas novidades

Assine nossa Newsletter

Baixe já nosso App