Usiminas (USIM5) e Braskem (BRKM5) entre os destaques da Bolsa hoje

Share on twitter
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

Destaques do dia: Usiminas e Braskem

As ações de Usiminas, CSN (CSNA3) e Vale (VALE3) figuraram entre as maiores altas do Ibovespa nesta terça-feira (23/11), embaladas por uma nova alta do minério de ferro nos mercados asiáticos.

Já o papel da Braskem avançou 6,68% após a Petrobras ter informado que ainda não há uma decisão sobre a venda da fatia acionária detida pela estatal de petróleo na empresa petroquímica.

O Ibovespa encerrou em alta de 1,5%, aos 103.653 pontos. No mês, o Ibovespa recua 2,43% e apresenta queda de 12,70% no acumulado do ano.

Nos Estados Unidos, o índice S&P 500 fechou praticamente estável (+0,17%, aos 4.690,70 pontos), enquanto o Nasdaq Composite caiu 0,50%, aos 15.775 pontos.

O dólar fechou em alta de 0,27%, a R$ 5,609 no mercado à vista da B3.

Antes de mais nada, aqui no Blog do Grana você acompanha as principais notícias que mexem com os seus investimentos na Bolsa (B3).

Cenário no Brasil e no mundo

No exterior, o mercado esteve digerindo a potencial nomeação do Jerome Powell para continuar por mais quatro anos à frente da presidência do Federal Reserve (FED), o banco central dos EUA.

De acordo com Pietra Guerra, o que o mercado entendeu é: com o Jerome Powell continuando no poder, a política monetária é de aceleração da retirada de estímulos.

Ou seja, a redução da compra de ativos e a antecipação da taxa de juros deve continuar.

Com a antecipação da taxa de juros, o juros mais alto pesa principalmente nas ações de tecnologia, que foram as que mais sofreram com a intenção de ter o Powell no poder.

Hoje, após declarações da secretária do Tesouro americano, Janet Yellen, de que a inflação atingiu nível que preocupa, passaram a circular boatos de que o FED poderia deixar de comprar mais títulos e antecipar o início da alta de juros para maio de 2022.

De acordo com o economista-chefe do Modalmais, Alvaro Bandeira, esses rumores seguem declarações recentes de presidentes regionais e a própria linha mais dura de Lael Brainard, provável sucessor na vice-presidência do FED na nova gestão de Jerome Powell.

No Brasil, seguiu a novela da questão fiscal em Brasília, e a aposta maior está em aprovar termos comuns entre a Câmara e o Senado e deixar o restante numa Proposta de Emenda Constitucional (PEC) paralela.

“Discutem agora se o Fundef ficará ou não fora do teto de gastos e se o Auxílio Brasil será permanente e sofrerá ou não correção pela inflação”, observou Bandeira, em relatório sobre o fechamento do mercado.

Maiores altas do Ibovespa

  • Braskem (BRKM5): +6,68%, a R$ 50,12 por ação PNA
  • Petrobras (PETR4): +5,46%, a R$ 27,80 por ação PN
  • PetroRio (PRIO3): +5,29%, a R$ 22,67 por ação ON
  • Ultrapar (UGPA3): +4,99%, a R$ 13,89 por ação ON
  • Usiminas (USIM5): +4,76%, a R$ 13,21 por ação PNA

Maiores quedas do Ibovespa

  • Méliuz (CASH3): -5,43%, a R$ 3,48 por ação ON
  • Totvs (TOTS3): -4,98%, a R$ 31,45 por ação ON
  • Petz (PETZ3): -4,02%, a R$ 18,37 por ação ON
  • Ecorodovias (ECOR3): -3,70%, a R$ 8,33 por ação ON
  • Gol Linhas Aéreas (GOLL4): -3,46%, a R$ 15,64 por ação PN

Ativos em destaque

Mais sobre Braskem

A Petrobras (PETR3, PETR4) reforçou não haver qualquer definição ou decisão sobre a venda de sua fatia na Braskem.

Em outras palavras, a Petrobras não quer vender sua participação estratégica na Braskem.

Com isso, a ação da Braskem subiu 6,68%, sendo a maior alta do Ibovespa.

A imprensa divulgou que estaria em curso uma negociação entre as três partes que possuem essa participação estratégica na Braskem (a Odebrecht, sua sócia Petrobras e os bancos credores da Odebrecht) para a venda de uma fatia de ações preferenciais da petroquímica.

Aos bancos credores interessa vender a fatia que a Odebrecht possui na Braskem para receber parte das dívidas atrasadas.

A Odebrecht não possui mais ações listadas na Bolsa desde o ano 2000.

Vibra Energia (VBBR3)

A Vibra Energia (antiga BR Distribuidora) informou que integralizou 50% das debêntures conversíveis em ações ordinárias de emissão da Comerc subscritas pela companhia em outubro, em montante equivalente a R$ 1 bilhão.

Bradespar (BRAP4)

A Bradespar informou que o TJRJ admitiu recursos especiais movidos pela Litel, que reúne a participação de fundos de pensão na Vale, na ação indenizatória contra a companhia.

Com isso, os recursos seguirão para apreciação do STJ, o Supremo Tribunal de Justiça.

Vale (VALE3)

O membro do conselho de administração José Maurício Pereira Coelho renunciou ao cargo.

A nomeação do substituto que ficará no posto até a próxima assembleia geral de acionistas será feita nos próximos dias.

Como o conselho atual foi eleito pelo regime do voto múltiplo, a próxima assembleia irá eleger todo o conselho de administração, com exceção do membro eleito pelo conjunto de empregados, informou comunicado.

Dommo Energia (DMMO3)

O conselho de administração da Dommo Energia aprovou aumento de capital de R$ 139,7 milhões, com a emissão privada de 199,5 milhões novas ações ON.

Com isso, o capital social passará de R$ 457,4 milhões para R$ 597,2 milhões.

Grupo Mateus (GMAT3)

O Grupo Mateus inaugurou quatro lojas Eletro em outubro no Maranhão e Piauí e encerrou o mês de outubro com 193 lojas.

Ações EUA

O índice Nasdaq Composite fechou em queda de 0,50%, aos 15.775 pontos. Entre as ações mais negociadas, a Apple registrou alta de 0,24%.

Já o índice S&P 500 encerrou praticamente estável, em leve alta de 0,17%, aos 4.690,70 pontos.

Entre as ações mais negociadas em Nova York (EUA), o Bank of América (BofA) subiu 2,64% no dia.

Na ponta contrária, AMD caiu 1,70%, Ford Motor teve queda de 1,37% e Nvidia recuou 0,66% no dia.

(*) Relatórios consultados: B3, CVM, Modalmais e Terra Investimentos.

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Fique por dentro!

Receba notícias como esta no seu e-mail.

Receba em primeira mão nossas novidades

Assine nossa Newsletter

Baixe já nosso App