Bradesco (BBDC4) e PetroRio (PRIO3) entre os destaques da Bolsa hoje

Share on twitter
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

As ações do Bradesco (BBDC4) e da PetroRio (PRIO3) figuraram entre os destaques na Bolsa (B3) hoje.

Antes de mais nada, aqui no Blog do Grana, você saberá os principais assuntos que movimentaram o Ibovespa nessa sexta-feira (05/11).

O Ibovespa fechou em alta de 1,37%, aos 104.824 pontos.

Já o dólar fechou em queda de 1,49%, a R$ 5,52 no mercado à vista.

A baixa da moeda norte-americana influenciou negativamente os papéis da exportadoras Gerdau, Gerdau Metalúrgica, Vale e Bradespar (acionista da Vale). Mas aliviou as ações das aéreas Azul e Gol, que figuraram entre as maiores altas do dia.

Destaques do Ibovespa – PetroRio (PRIO3)

A PetroRio disparou 17,87% hoje e fechou cotada em R$ 27,57 por ação ON.

Em fato relevante comunicado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Petrorio foi a escolhida para avançar no processo de negociação envolvendo os Campos de Albacora e Albacora Leste, na Bacia de Campos, colocados ao mercado no programa de desinvestimentos da Petrobras.

De acordo com o analista da Ativa Investimentos, Ilan Albertman, o valor do negócio pode envolver quantias próximas de US$ 4 bilhões.

A participação da companhia nos campos seria referente à 70% do Campo de Albacora e 90% de Albacora Leste.

Somados, estas participações adicionariam por volta de 55 mil barris por dia à sua produção, que atualmente está em aproximadamente 35 mil barris por dia.

“Dado os valores envolvendo a atual negociação serem maiores, acreditamos que a companhia possivelmente viria a mercado através de um novo follow-on (oferta de ações) em busca dos recursos necessários para o sucesso da transação, que tem caráter transformacional para a companhia, e motiva a escalada visualizada em suas ações durante o pregão de hoje”, explica Albertman, em nota encaminhada ao Blog do Grana.

Sobre essa possibilidade de uma nova oferta de ações da PetroRio no mercado, o analista argumenta que atualmente, somando caixa e um nível relativo de endividamento, que poderia atingir até 2,5x, a PetroRio disporia de um valor de até US$ 1,5 bihão para lidar com novas aquisições ao seu portfólio.

Destaques do Ibovespa – Magazine Luiza (MGLU3) e Via (VIIA3)

“Os destaques foram para a Magazine Luiza (MGLU3) e Via Varejo (VIIA3) com alta de +12,27% e +10,79%, respectivamente. Essa alta se dá com o alívio na curva de juros e o impulso do exterior”, explicou Régis Chinchila, analista da Terra Investimentos.

Confira, na sequência do texto, as novidades e os eventos corporativos importantes do mercado de acordo com relatórios* de mercado.

Notas de mercado – Resumo

  • Minerva (BEEF3) anuncia dividendos de R$ 200 milhões, equivalente a R$ 0,35 por ação
  • Proventos da Minerva em 9 meses de 2021 somam R$ 603,6 milhões ou R$ 1,12 por ação
  • O lucro porcentual por ação (dividend yield) da Minerva alcança 12%
  • Bradesco registra lucro líquido de R$ 6,767 bilhões no 3º trimestre de 2021, alta de 34,5% na comparação anual
  • Presidente do Bradesco Octavio de Lazari Jr. destaca aumento do número de clientes com Next, Bitz e Ágora
  • Itaú aumenta participação de 39,22% para 53,79% no Itaú Corpbanca
  • Embraer reporta prejuízo de R$ 179,7 milhões no 3º trimestre de 2021
  • JHSF lucra R$ 213,8 milhões no 3º trimestre de 2021, alta de 23,1% na comparação anual
  • Engie lucra R$ 639 milhões no 3º trimestre de 2021, alta de 30,4% na comparação anual

Destaques da Bolsa Bradesco (BBDC4)

As ações do Bradesco estão entre os destaques da Bolsa hoje e figura entre as mais negociadas do dia:

  • Bradesco (BBDC4): +4,93%, a R$ 19,99 por ação PN.

Maiores altas do Ibovespa

  • PetroRio (PRIO3): +17,87%, a R$ 27,57 por ação ON
  • Magazine Luiza (MGLU3): +12,27%, a R$ 12,44 por ação ON
  • Via (VIIA3): +10,79%, a R$ 7,29 por ação ON
  • Azul (AZUL4): +8,27%, a R$ 28,40 por ação PN
  • Gol (GOLL4): +8,16%, a R$ 18,30 por ação PN

Principais baixas do Ibovespa

  • Gerdau (GGBR4): -4%, a R$ 24,51 por ação PN
  • Gerdau Met (GOAU4): -2,63%, a R$ 11,41 por ação PN
  • Bradespar (BRAP4): -2,26%, a R$ 44,90 por ação PN
  • Vale (VALE3): -2,97%, a R$ 64,11 por ação ON
  • Cielo (CIEL3): -2,55%, a R$ 2,29 por ação ON

Bradesco (BBDC4) e Minerva (BEEF3)

As companhias publicaram seus balanços do terceiro trimestre de 2021. Acompanhe os resultados:

Bradesco (BBDC4)

O Bradesco reportou lucro líquido de R$ 6,767 bilhões no terceiro trimestre de 2021, o que representou crescimento de 34,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

De acordo com o balanço, o resultado representa uma evolução de 7,1% na comparação com os três meses anteriores. O retorno sobre o patrimônio líquido alcançou 18,3%.

Na apresentação do balanço, o presidente do Bradesco, Octavio Lazari Jr. destacou o aumento do número de clientes do banco.

Entre os dados, o número de clientes da Ágora Investimentos evoluiu de 449 mil em junho de 2020 para 706 mil em setembro de 2021.

Na Next, o número de clientes saltou de 3,2 milhões em setembro de 2020 para 7,7 milhões em setembro de 2021.

E da Bitz, o número de contas acumuladas avançou de 218 mil em dezembro de 2020 para 2,133 milhões em setembro de 2021.

Minerva (BEEF3)

A Minerva anunciou a distribuição de dividendos intercalares no montante global de R$ 200, milhões, cerca de R$ 0,35 por ação, o que representa 45% do lucro acumulado nos nove meses de 2021.

De acordo com o balanço, considerando os proventos pagos no ano corrente, um total de R$ 603,6 milhões, ou o equivalente a R$ 1,12 por ação.

Por esse exemplo, a Minerva Foods alcançou um “dividend yield” (lucro porcentual por ação) de aproximadamente 12%.

Balanços do 3º trimestre de 2021

EMBRAER (EMBR3)

A Embraer reportou prejuízo líquido ajustado de R$ 179,7 milhões no terceiro trimestre de 2021 (3T21), ante prejuízo de R$ 797,5 milhões em igual período de 2020, uma queda de 77,47%.

A receita líquida somou R$ 5,01 bilhões no trimestre, alta de 22,5% em relação ao mesmo período do ano anterior, quando registrou R$ 4,09 bilhões.

JHSF (JHSF3)

A JHSF divulgou seu balanço no terceiro trimestre de 2021 registrando lucro líquido de R$ 213,8 milhões, alta de 23,1% na comparação com o terceiro trimestre de 2020, quando lucrou R$ 173,7 milhões.


BR PROPERTIES (BRPR3)

A BR Properties registrou lucro líquido de R$ 38,3 milhões no 3T21, alta de 135% na comparação anual.

O Ebitda ajustado somou R$ 58,3 milhões, queda de 0,8% em relação ao mesmo período de 2020.


ENGIE BRASIL (EGIE3)

A Engie Brasil registrou lucro líquido de R$ 639 milhões, alta de 30,4% na comparação anual.

O Ebitda ajustado somou R$ 1,698 bi, crescimento de 18,5% ante mesmo período de 2020.

Notas de mercado


VIVO (VIVT3), CLARO E TIM (TIMS3)

As operadoras de telefonia encamparam uma disputa para arrematar os lotes de faixa de 3 GHz da tecnologia 5G. A Claro levou o lote B1, de 80 MHz, por R$ 338 milhões.

A Telefônica, dona da marca Vivo, ganhou o lote B2 por R$ 420 milhões.

E a TIM conseguiu o lote B3 por R$ 351 milhões.

“O leilão de 5G até surpreendeu. O governo espera arrecadar em torno de R$ 3 bilhões e acabou que vai arrecadar em torno de R$ 7 bilhões. As grandes operadoras Vivo, Claro e Tim foram as principais vencedoras, mas também teve a surpresa da entrada de novas operadoras como Visanet e Unifique”, observou Rodrigo Moliterno, head de renda variável da Veedha Investimentos.

ITAÚ (ITUB4)

O Itaú Unibanco (ITUB4) informou que aumentou sua participação no capital votante do Itaú Corpbanca de 39,22% para 53,79%, por meio do exercício dos seus direitos de subscrição, bem como de direitos de subscrição adquiridos de outro acionista.

O Itaú Unibanco esclarece que este aumento de capital do Itaú Corpbanca ainda não foi finalizado e que pretende subscrever a totalidade das ações remanescentes a que terá direito na próxima etapa de subscrição deste aumento de capital.

LOJAS RENNER (LREN3)

A Lojas Renner (LREN3) anunciou aumento do capital social no valor de R$ 1,23 bilhão.

A cifra contou com a incorporação de parte do saldo da conta de Reserva de Capitais e da conta de Reserva de Lucros.

Além disso, a companhia informou sobre a bonificação de ações em 10%, com distribuição gratuita aos acionistas.

Com isso, a Renner fará a emissão de 89,85 milhões de novas ações ordinárias, sendo uma nova ação para cada dez possuídas, com um custo de R$ 13,35.

Os acionistas que terão direito a esse benefício devem adquirir as ações das Lojas Renner até o dia 08 novembro.

(*) Relatórios consultados: B3, Bradesco, Minerva, Ativa Investimentos, Terra Investimentos e Guide Investimentos.

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Fique por dentro!

Receba notícias como esta no seu e-mail.

Receba em primeira mão nossas novidades

Assine nossa Newsletter

Baixe já nosso App