Tutorial IR da bolsa: Como declarar ações, FII, ETF e opções

Share on twitter
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin

Este tutorial mostra todos os passos para declarar operações em bolsa de valores no Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF 2021). Assista ao vídeo ou leia o texto, como preferir!

As instruções valem para os seguintes investimentos:

  • Ações;
  • FII (fundos de investimento imobiliário);
  • ETF (ativos de renda variável que seguem determinados índices);
  • Opções.

Todos os passos que você verá abaixo foram extraídos do relatório que o aplicativo Grana disponibiliza para todos os seus usuários.

Os números abaixo são fictícios, mas no app você terá os seus dados reais, sendo necessário apenas copiar e colar no programa de IRPF da Receita Federal.

Estrutura do tutorial IRPF de renda variável

O “passo a passo” está organizado com as seguintes seções:

  1. Rendimentos Isentos e Não Tributáveis
  2. Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva
  3. Bens e Direitos
  4. Operações Comuns / Day Trade
  5. Operações com Fundos de Investimento Imobiliário

Cada seção representa uma tela do programa de Imposto de Renda da Receita Federal e apresenta uma sequência de passos a serem executados. Vamos lá?

1. Rendimentos Isentos e Não tributáveis

Selecione a opção “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis” no menu “Fichas da Declaração” (clique na imagem para ampliá-la).

Clique em “Novo” para criar um novo item.

Para declaração dos ativos considerados neste tutorial (ações, FIIs, ETFs e opções), você poderá precisar dos seguintes códigos:

  • 09: Lucros e dividendos recebidos
  • 18: Incorporação de reservas ao capital / Bonificações em ações
  • 20: Ganhos líquidos em operações no mercado à vista de ações negociadas em bolsas de valores nas alienações realizadas até R$ 20.000,00 em cada mês, para o conjunto de ações
  • 26: Outros.

Ao gerar o relatório pelo Grana, você receberá uma tabela como esta abaixo, só que com os seus dados (clique na imagem para ampliar).

Na primeira linha da tabela, na coluna da esquerda, você vai observar o código (“09”, no exemplo acima) e vai abrir o número correspondente no campo “Tipo de Rendimento” do programa da Receita (imagem abaixo). No caso deste exemplo, o código é “09”.

Em seguida, você copia os demais dados da primeira linha e cola nos respectivos campos do programa do IRPF 2021: Tipo de beneficiário, Beneficiário, CNPJ da Fonte Pagadora, Nome da Fonte Pagadora e Valor, conforme abaixo.

Ao terminar, clique em “OK” no canto inferior direito da tela. Se tiver mais uma linha na sua tabela gerada pelo Grana, clique novamente em “Novo” para abrir outro formulário e preencher os dados da segunda linha.

Repita o procedimento para cada uma das linhas da tabela.

2. Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva

Este é o momento de declarar os juros sobre capital próprio. No menu “Fichas da Declaração”, selecione o item “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva” (clique na imagem para ampliar).

Clique no campo “Tipo de Rendimento” e selecione o item “10 – Juros sobre capital próprio”.

Na tela seguinte, você verá um formulário como na imagem abaixo.

Você vai preencher esse formulário com os dados que aparecem na primeira linha da tabela de juros sobre capital próprio fornecida pelo Grana (exemplo abaixo).

Após preencher os dados, clique em “Ok” (no canto inferior direito da tela do programa da Receita).

Em seguida, clique novamente em “Novo” para abrir outro formulário, onde você vai informar os dados da segunda linha da tabela do relatório Grana.

Repita a operação para preencher as linhas seguintes, até o final da tabela.

3. Bens e direitos

Aqui serão declarados Novamente no menu “Fichas da Declaração”, clique em “Bens e direitos” e depois em “Novo”.

Para declarar os investimentos em bolsa de valores, você poderá precisar dos seguintes códigos:

  • 31: Ações (inclusive provenientes de linha elefônica)
  • 73: Fundo de Investimento Imobiliário
  • 99: Outros bens e direitos

Também para esta parte do IRPF 2021, o Grana vai gerar uma tabela para você, como no exemplo abaixo (clique na imagem para ampliar).

Agora, como nas partes anteriores deste tutorial, você vai copiar os dados da primeira linha da tabela e colar nos campos correspondentes do programa da Receita Federal, como na imagem abaixo. Em seguida, clique em “OK”, no canto inferior direito da tela.

Se tiver mais de uma linha na sua tabela de “Bens e direitos” do Grana, clique novamente em “Novo” para abrir outro formulário, e repita a operação, até preencher todos os dados listados.

Importante:

Em “Bens e direitos” você também vai precisar declarar o saldo em conta nas suas corretoras (código 69), que estará nos Informes de Rendimentos enviados por elas. No relatório do Grana não consta essa informação.

4. Operações Comuns / Day Trade

Agora vamos declarar as suas operações em bolsa de valores, tanto “day trade” (quando se compra e vende um ativo no mesmo dia) quanto “swing trade” (compra e venda em dias diferentes).

Desta vez, no menu do lado esquerdo da tela, você vai fechar o item “Fichas da Declaração” e abrir “Renda Variável”. Em seguida, selecione “Operações Comuns / Day-Trade”, conforme abaixo.

Aqui, você vai precisar preencher as informações relativas aos 12 meses do ano de 2020. Para acessar um determinado mês, clique individualmente nele nas abas à esquerda do formulário (em vermelho na imagem abaixo).

Observação: o relatório do Grana inclui apenas as informações para os campos destacados em verde acima, pois o aplicativo não trabalha com os demais mercados.

Continuando, o Grana vai fornecer a você uma tabela como esta abaixo (clique na imagem para ampliar).

De forma semelhante ao que foi feito nos itens anteriores da declaração, você vai copiar os dados da tabela do Grana e colar no programa do IRPF 2021, nos campos correspondentes.

Importante:

(1) O campo “Resultado negativo até o mês anterior” será preenchido somente para o mês de janeiro. Nos demais, o preenchimento é automático. O valor que aparecerá no relatório do Grana se refere aos dados de “Mercado à vista – ações” e “Mercado opções – ações”. Caso tenha operado outros ativos, você deve somá-los ao número fornecido pelo Grana.

(2) A coluna da direita dessa tabela, “Imposto pago”, se refere ao imposto que deveria ter sido pago. Caso não tenha pagado integralmente, corrija os dados a serem inseridos.

5. Operações com Fundos de Investimento Imobiliário

No menu lateral esquerdo, abra a parte de “Renda Variável” e, em seguida, “Operações Fundos Invest. Imob.”

O formulário que aparecerá (exemplo acima) deve ser preenchido com os dados que estarão na tabela que o Grana gerou para você, conforme a imagem abaixo.

6. Acabou!!! 🍾🥳🙌

Quando terminar os 5 itens acima, você terá declarado no IRPF 2021 tudo o que precisava, e corretamente, em relação a ações, FIIs, ETFs e opções.

Parabéns!!!

Agora vai pensar nas coisas importantes da sua vida e repasse esse tutorial para quem você acha que vai se beneficiar com ele!

Baixar o aplicativo Grana

Para obter o relatório gratuito de auxílio à Declaração Anual do Imposto de Renda 2021, baixe o Grana clicando nos links abaixo:

Baixar o Grana para Android

Baixar o Grana para iOS (iPhone)

Gostou? Compartilhe nas Redes Sociais:
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Receba em primeira mão nossas novidades

Assine nossa Newsletter

Baixe já nosso App

Fique por dentro!

Receba notícias como esta no seu e-mail.